Claudio Menandro – Currículo

Claudio

Nascido em Salvador, Bahia, iniciou ainda jovem a sua carreira como violonista. Gravou seu primeiro disco em 1986, interpretando os clássicos do repertório para violão. Em 1988, gravou seu segundo disco, voltado para clássicos do cancioneiro popular. Com o violonista suíço Daniel Erni fez projeto de concertos didáticos por vários anos, patrocinado pela Prefeitura Municipal de Zurique, Suíça. A partir de 1989, na Alemanha, desenvolveu trabalho como integrante do grupo Projeto Três ao lado do violonista alemão Ahmed El-Salamouny e percussionista brasileiro Gilson de Assis. Lá, gravou 03 CDs de música brasileira. Realizou projeto de música barroca francesa em duo com o cravista Edmundo Hora, em Campinas. Fez duo com o violonista Marcus Llerena, com o qual viajou em turnê pela França, apresentando o projeto “De Bach a Pixinguinha”. Em 2000 radicou-se em Curitiba e começou a lecionar no Conservatório de MPB Em 2005, participou da programação do “Ano do Brasil na França” fazendo cinco shows em Paris com o grupo “Três no Choro.Gravou dois CDs com composições próprias – Sombra e Água Fresca (2002) e Descansado (2006) – com participações dos clarinetistas Paulo Sérgio Santos e Proveta.Já dividiu o palco com nomes como o cravista Edmundo Hora, o pianista João Carlos Assis Brasil, Dominguinhos, Roberto Correa, Luiz Otávio Braga,  Mônica Salmazo, Toninho Carrasqueira, dentre outros. Em 2007 fez uma turnê pelo Brasil com o clarinetista Paulo Moura, através do projeto CIRCULAR BRASIL patrocinado pela Petrobrás. Em novembro de 2008, em Curitiba, publicou o livro de partituras A Obra Para Violão de Waltel Branco, sendo responsável pela escolha do repertório e revisão musical. Gravou 02 CDs dedicados à obra para violão de Waltel Branco. Em 2010, durante a Oficina de Música de Curitiba, lançou o Choro Brasileiro, álbum de partituras com 50 composições suas, entre choros, baiões, valsas, polcas, maxixes, etc. Publicou, pela FCC, um álbum de partituras com as suas composições para violão solo; o volume contém textos de apresentação de Fabio Zanon, Paulo Porto Alegre e outros. Em 2016 lançou o CD Tributo a Aderly Santi, uma homenagem a grande cantora da “Era do Rádio curitibana”.